Diagnóstico de vírus

O diagnóstico das infecções virais emergiu nas últimas décadas como uma importante ferramenta na medicina, contribuindo de forma efetiva na identificação do patógeno, direcionando o tratamento da doença. O diagnóstico laboratorial das viroses tem sido dividido em diagnóstico clássico, que inclui as técnicas e identificação de vírus, e a sorologia e o diagnóstico rápido das viroses, que visa à demonstração direta do vírus, de antígenos ou de ácidos nucleicos virais em amostras clínicas.

  •  Aula 1. Conceitos Gerais
  •  Aula 2. Estrutura viral
  •  Aula 3. Ciclo viral
  •  Aula 4. Conceito de viremia
  •  Aula 5. Resposta imune contra vírus
  •  Aula 6. Resposta humoral contra vírus
  •  Aula 7. Tipos de amostras
  •  Aula 8. Formas de coleta
  •  Aula 9. Armazenamento e transporte
  •  Aula 10. Origem do diagnóstico viral
  •  Aula 11. Escolha do diagnóstico
  •  Aula 12. Tipos de diagnóstico
  •  Aula 13. Definição
  •  Aula 14. Cultura celular
  •  Aula 15. Efeitos citopáticos
  •  Aula 16. O que usar para identificar
  •  Aula 17. Métodos clássicos
  •  Aula 18. Métodos novos
  •  Aula 19. Definição
  •  Aula 20. Detecção de Antígeno x Detecção de Anticorpos
  •  Aula 21. Teste sugestivo x Teste conclusivo
  •  Aula 22. Imunofluorescência
  •  Aula 23. Imunoenzimático
  •  Aula 24. Imunoaglutinação e imunocromatográfico
  •  Aula 25. Definição
  •  Aula 26. Extração do material genético
  •  Aula 27. Amplificação e eletroforese
  •  Aula 28. Reação em cadeia da polimerase
  •  Aula 29. PCR em tempo real
  •  Aula 30. Aplicação nos vírus
  •  Aula 31. Definição
  •  Aula 32. Hibridização in situ
  •  Aula 33. Hibridização em microarranjos
  •  Aula 34. Sequenciamento por Sanger
  •  Aula 35. Sequenciamento de “nova geração”
  •  Aula 36. Utilização na virologia
  •  Aula 37. Genotipagem
  •  Aula 38. RFLP e Southern Blotting
  •  Aula 39. Análise filogenética

Preço

R$ 76,94

Carga Horária

80 Horas

Número de Aulas

39      

Conclusão Estimada em

30 Dias

Avaliação